A carregar Eventos

« Todos Eventos

  • Este evento já decorreu.

Catarina Rôlo Salgueiro (residência)

Maio 23 - Maio 29

Para acabar com o julgamento de deus

“Para acabar com o julgamento de deus” é uma adaptação do poema radiofónico de
Antonin Artaud para o palco. Nesta obra, o poeta aborda, a dualidade que existe entre o progresso tecnológico e a nossa relação com os nossos corpos. Dualidade essa que ainda permanece no coração das nossas sociedades ocidentais. À força do progresso Americano, o poeta invoca nos seus versos a força mágica dos Tarahumaras. Uma compositora e duas atrizes propõem recriar em direto o “corpo sem orgãos” sonhado por Artaud, enaltecendo a dimensão sonora da obra. A pesquisa é a de tentar sair do conceito de corpo que conhecemos, e propor ao público uma experiência sensorial numa composição original.

Lisboa, 1991. É diplomada em Teatro – Ramo Atores, pela Escola Superior de Teatro e Cinema e cocriadora d’Os Possessos. Como atriz, trabalhou com Maria João Luís, Maria Duarte, Ricardo Neves- Neves, Teresa Coutinho, e entre outros. Com Os Possessos, participou, entre outros, em Marcha invencível, O Novo Mundo e A Nossa Cidade e co-criou A Bolha. Fez assistência de encenação a Ricardo Neves-Neves e Tiago Rodrigues. Em cinema trabalhou com Pedro Cabeleira e Tiago Guedes.

Criação e Interpretação Catarina Rôlo Salgueiro, Jenna Thiam e Surma
Tradução: Catarina Rôlo Salgueiro e Jenna Thiam
Música Original Surma
Cenografia: Bruno Bogarim
Produção e Comunicação: Leonardo Garibaldi

Detalhes

Início:
Maio 23
Fim:
Maio 29
Categoria de Evento:
Etiquetas de Evento: